Siga por e-mail

Seguidores

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Deus Verde


(Retirado dos Livros Mistérios Wiccanos de Raven Grimassi e Wicca, A Religião da Deusa de Claudiney Prieto).

O Homem Verde

O segundo aspecto do Deus é o Homem Verde (Green Man), Ele é o Senhor da Colheita e de toda a Natureza cultivada. Está relacionado aos grãos e ao desenvolvimento da agricultura. Exerce domínio sobre a vida e o crescimento das plantas. É ele que nos traz a alegria, a felicidade. Está associado aos excessos e ao êxtase provocado pelo vinho, tão sagrado para as culturas primitivas. Nessa face Ele assume vários papéis, principalmente o de Filho e Amante da Deusa.

Os exemplos associados à face do Homem Verde do Deus são:

Green Man: Uma Divindade que aparece em várias representações como um homem coberto de folhas. Está associado às florestas, à alegria, à descontração. Sua face com múltiplas folhas aparece em construções de antigas tabernas, espalhadas por toda a Europa, representando a sua ligação com a embriaguez através do vinho. É o portador de alegria.

Baco: Deus romano da fertilidade e do vinho. Suas cerimônias sagradas, as bacanais, eram marcadas por excessos de todos os tipos, principalmente os alcoólicos.

Dionísio: Aparece muitas vezes como o Deus da embriaguez. Segundo as crenças gregas, ele era o criador do vinho e suas Sacerdotisas, as Mênades, corriam e dançavam nuas pelos bosques, atordoadas pelo efeito do vinho (tido como o próprio Deus), agitando tochas e bastões de tirso nas mãos, em homenagem ao Deus.

Sileno: O tutor de Dionísio e o líder dos Sátiros. Muitas vezes representado como um Deus careca e barrigudo. Está relacionado à fertilidade e ao êxtase, em todas as suas manifestações.

Temas de rituais que usam a face de Homem Verde do Deus:

• Invocar a mudança da essência de espírito.
• Invocar a energia de descontração.
• Atrair felicidade.
• Estabelecer transformações necessárias.
• Atrair o otimismo e a alegria.
• Invocar as energias de expansão e prosperidade.
• Aumentar a sensualidade, o erotismo e a espontaneidade.
• Libertar-se dos grilhões impostos pela sociedade.
• Abrir os caminhos para atrair oportunidades na vida.
• Atrair a jovialidade e o entusiasmo.


Meditando com o Homem de Verde


Material necessário:

• Uma vela verde;
• Cálice com vinho;
• Folhas verdes.

Procedimento: Coloque a vela sobre o Altar. Trace o Círculo Mágico e então a acenda. Espalhe as folhas sobre o Altar enquanto invoca o Deus com as seguintes palavras:

Invoco a ti, Homem Verde dos bosques e das vinhas.

Invoco-o para que venha do seu mundo para compartilhar sua alegria e felicidade comigo.

Venha, Deus da face de folhas,
Deus que caminha entre as folhagens,
Quem semeia e faz brotar!
Invoco-o, Senhor.
Venha, compartilhe sua satisfação comigo.
Feche os olhos, respire profundamente por três vezes.
Imagine-se indo a direção a uma mata virgem. Sinta a energia mágica e comungue com os Espíritos da Natureza que residem nesse lugar.
Sinta o cheiro das folhas, das árvores e da terra.

Coloque a sua mão esquerda no tronco de alguma árvore frondosa que você encontrar no caminho e leve a mão direita em direção ao seu peito. Sinta o poder que ela tem de revigorar as energias e renovar. Absorva o poder da Natureza. Aos poucos você percebe que a sua mão não toca mais em um tronco, mas sim a mão de um homem todo vestido de folhas, com o rosto coberto por elas, aparecendo só os olhos dele. Ele é o Homem Verde, o Green Man, o Senhor das folhas verdes e das florestas. Ele sorri para você e lhe transmite todo seu poder de alegria e vida através do seu toque.

Ele veio dos reinos escondidos abençoá-lo com a sua magia.

Permaneça algum momento sentindo a energia do Deus através de seu toque. Dialogue mentalmente com Ele. Peça-lhe conselhos deixe que Ele o instrua.

Continue absorvendo a energia e deixe-se levar pelas lembranças de quando era criança, feliz e inocente. Como a sua infância se reflete na sua vida atual? Você vive a sua criança interior em todas as suas potencialidades? Reflita. Busque respostas junto ao Homem Verde para os seus problemas e as soluções para resolvê-los. Deixe Ele aconselhá-lo.

Quando tiver conversado tudo o que for necessário, agradeça ao Deus. Muitas brumas começam a se formar ao seu redor até que você consiga mais ver nada, mas você continua segurando a mão do Deus Verde. Aos poucos as brumas vão se dispersando e você percebe que não está mais segurando a mão do Deus, mas, sim, tocando o tronco forte da árvore novamente.

Agradeça aos Espíritos da Natureza e retorne pelo mesmo caminho que você trilhou para chegar lá.

Respire profundamente três vezes e abra os olhos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.